Se no plano do combate às desigualdades, à doença, ao analfabetismo, e à promoção da cultura Cuba encontra-se entre os países com melhores indicadores, mau grado o cerco de que ainda é objecto, podemos imaginar o patamar de desenvolvimento em que estaria se os tivessem deixado em paz, a construir a sociedade que tinham escolhido....

Quando saí da companhia de seguros em que trabalhava, como não ia para uma empresa do mesmo sector, tive ainda que “dar à casa” os 2 meses que estavam contratualizados, dando a oportunidade à empresa para se arranjar substituto, passando a pasta, etc. Lembro-me bem, que um colega meu, quando se demitiu, como informou que ia para a concorrência, pediram-lhe que abandonasse o mais rapidamente o...

Esta retoma de parte dos rendimentos e do emprego perdidos é tão mais importante quanto o que mais começava a estar em causa era a proletarização de segmentos da classe média assalariada, aquela que em desespero de causa mais facilmente se vira e adere a soluções populistas, xenófobas e nacionalistas. A derrota do governo PSD/CDS serviu também a causa da prevenção deste fenómeno, que...

Relembre-se que a CARRIS foi “salva” in exterminis da privatização, quando da tomada de posse do novo Governo. O PSD, que hoje uma vez mais se mostrou contra a municipalização da CARRIS, avisando que «as consequências financeiras da responsabilidade assumida serão demasiado pesadas para o município», preparava-se para entregar a CARRIS à AVANZA, um grupo económico privado, de capitais mexicanos, que iria ter na CARRIS e...

A situação portuguesa nada tem que ver com a situação americana, como sugeriu Nuno Garoupa, porque a maioria parlamentar teve maioria de votos e tem maioria de lugares no Parlamento, por isso e porque foi capaz de se entender é que pôde formar governar, enquanto que nos EUA há um «vencedor errado» (teve menos votos do que o que perdeu na «secretaria», no colégio eleitoral,...

Talvez a abertura da exposição de Lisboa Global no Museu de Arte Antiga em Lisboa, adiada por razões até à vista inexplicáveis, nos possa abrir perspectivas, e ajudar-nos a perceber que se já fomos os pioneiros da globalização, agora será no quadro da Pátria da Língua Portuguesa que seremos ou poderemos ser os pioneiros da nova globalização. Saibamos olhar para o mundo com os olhos da...

É por isso que, na ordem das prioridades, a situação espanhola tem de ser acompanhada com outro sentido político, é obrigatório defender o governo do Syrisa, assim como não se deve baixar a guarda quanto à solução política encontrada em Portugal. Porque se tudo correr mal na Holanda e em França vai ser necessário que uns quantos continuem a defender a União Europeia, sob...

O recuo da hospitalização pública está em risco de recuar ainda mais, considerando a ambição do actual presidente da Associação Portuguesa da Hospitalização Privada - "O futuro da saúde em Portugal passará inevitavelmente por hospitais privados e hospitais privados de qualidade“ (Óscar Gaspar, Lusa, 16/10/2016). Mas não só. A estratégia ensaiada pela tutela em nada combate aquele objectivo, pelo contrário vem facilitar o traçado de...